Vila Kennedy aposta nas experiencias de Silvio Cunha e Mestre Jonas
 
 No Carnaval de 2020, a agremiação conta com dois nomes de pesos para o desenvolvimento do carnaval, trata-se  do Carnavalesco Silvio Cunha e do mestre de Bateria, Jonas
 
“A escola está focada no objetivo de trazer o titulo para nossa comunidade, portanto, fizemos essas duas contratações que vão fortalecer ainda mais a nossa caminhada” disse o Presidente Alessandro Gomes.
 
“Tenho uma caminhada muito grande no carnaval, mais precisamente quatro décadas, e será um desafio novo fazer uma escola que desfila na Intendente Magalhães, mas que me surpreendeu pela sua grande estrutura” disse o Carnavalesco, Silvio Cunha
 
“Retornar a escola onde recebi o meu primeiro grande reconhecimento (S@mba Net 2001, como melhor bateria) é uma honra,e vou resgatar a batida tradicional da escola, que é o surdo um* ” disse o mestre de Bateria, Jonas
 
No Carnaval de 2020, o G.R.E.S. Unidos da Vila Kennedy desfilará na passarela popular da Intendente Magalhães com o enredo “Um Rei à Bangu“, uma homenagem ao saudoso e eterno Castor de Andrade.
 
Atenciosamente
Marcio Zuma
Departamento de Comunicação
G.R.E.S. Unidos da Vila Kennedy
OBS: A palavra Surdo um está em negrito, pois a G.R.E.S. Unidos da Vila Kennedy, foi fundado por oriundos da favela do esqueleto(próximo ao Maracanã), onde muitos eram ritmistas do G.R.E.S. Estação Primeira de Mangueira, então, o ritmo adotado na sua fundação era exatamente o mesmo, onde os surdos são de primeira e o de terceira.
Postado por Adiel Carteiro Poeta

Pin It on Pinterest

Share This